AVENTURA DE APRENDER

Site da Alefe

FILMES SUSPENSE / TERROR / DOCUMENTÁRIO

MENSAGENS DELETADAS

Eu comprei esse filme no shopping popular há um bom tempo atrás e ele não passou no meu DVD, levei de volta e estava normal, tentei novamente e continuou não passando. Esqueci dele até que um dia encontrei na internet e resolvi assistir. Excelente, e foi mais um dos que me fizeram pensar bastante durante muito tempo. Eu confesso que no início não dei muita ideia e não estava entendendo direito porque parecia mais um filme policial de assassinatos em série. Começou a me chamar mais atenção quando citou a teoria do mito de Joseph Campbell que é um dos livros bases da monografia do meu grupo na faculdade e terminou com uma lição que parece que foi tirada da Bíblia: "Fale do que você sabe". Ou seja, nosso testemunho é melhor dado em ação do que em palavras, não adianta nada apenas ensinar e falar se não praticar. Qualquer semelhança não é mera coincidência...

A ENTIDADE

M_D_ 

Mensagens deletadas

Eu comprei esse filme no shopping popular há um bom tempo atrás e ele não passou no meu DVD, levei de volta e estava normal, tentei novamente e continuou não passando. Esqueci dele até que um dia encontrei na internet e resolvi assistir. Excelente, e foi mais um dos que me fizeram pensar bastante durante muito tempo. Eu confesso que no início não dei muita ideia e não estava entendendo direito porque parecia mais um filme policial de assassinatos em série. Começou a me chamar mais atenção quando citou a teoria do mito de Joseph Campbell que é um dos livros bases da monografia do meu grupo na faculdade e terminou com uma lição que parece que foi tirada da Bíblia: "Fale do que você sabe". Ou seja, nosso testemunho é melhor dado em ação do que em palavras, não adianta nada apenas ensinar e falar se não praticar. Qualquer semelhança não é mera coincidência... 

a entidade

A entidade

 

 

Assisti esse filme no cinema, mas a minha pretensão era assistir um outro. Só que cheguei um pouco atrasada e não ia dar tempo de esperar outra sessão, por isso resolvi assistir esse e não me arrependo porque falou demais comigo. Entretanto, seria difícil explicar como sem dar spoilers. Esse foi mais um dos filmes que parece que Deus me levou a assistir pra me mostrar um exemplo das lições que Ele tem me ensinado nesses últimos tempos. Ele falou claramente comigo acerca da missão e do propósito, que apesar de até mesmo os mais próximos de nós não nos entendendo ou aceitando devemos permanecer firmes porque fugir ao invés de melhorar pode acabar piorando a situação, que a única forma de realmente solucionar é encarar de frente. Acho que isso é tudo o que eu posso dizer aqui... É claro que não concordo com algumas partes porque vão contra a Bíblia, mas no geral me agradou por causa dessas lições, afinal tanto pro bem quanto pro mal as leis espirituais são as mesmas.

 

A tempestade do século

Atenção: Não leia se ainda não assistiu e não quiser ver spoilers (revelações do enredo).

Na verdade não se trata de um filme, mas de uma minissérie em 3 capítulos, que juntada deu em mais de 4 horas. Eu achei que não ia aguentar, mas assisti tudo de uma vez e não é nem um pouco cansativo porque prende a atenção do começo ao fim.
A história é sobre uma comunidade de uma ilha, que está se preparando para uma tempestade, quando chega um estranho chamado André Linoge (legion = legião) matando um monte de gente e revelando os pecados ocultos de todos. Ele diz que vai parar se derem o que ele quer: Uma das crianças da ilha escolhida por sorteio. Caso contrário, ele mataria a todos. Linoge diz que escolheu essa ilha porque são capazes de guardar segredos e se unirem em busca do bem comum.
Apenas o delegado, que foi inclusive o primeiro a perceber que se tratava de uma entidade demoníaca, é contra, porque ele diz que não adianta querer negociar com os inimigos. Pareceu ser a unica pessoa que tinha visão espiritual nesse lugar, mas a criança "sorteada" foi a dele. Linoge ainda deixou claro que não foi ele que enganou ninguém, e sim que eles se enganaram a si mesmos. Após isso, esse delegado sai da vila, se forma, consegue um excelente trabalho e tem uma vida bem mais próspera do que lá. Próspera, mas vazia, porque ficou sem o seu filho.
Filho na Bíblia é símbolo de sonho e promessa, quando assisti esse filme ele falou bastante comigo: Quem negocia com os inimigos e procura o bem comum fica sem a sua promessa, mesmo que aparentemente consiga prosperar. Muito bem dito!

 

Seven

Mais um clássico de suspense. Um policial que está querendo se aposentar e um mais inexperiente se unem para desvendar o caso de um psicopata que age fazendo com que os pecados se virem contra as próprias vítimas de forma totalmente escandalosa e chocante até o já previsível, mas não menos impactante, desfecho. A parte que achei interessante é que o policial mais velho diz que quer parar porque não acredita na justiça, ao que o outro prontamente rebate: "Você quer parar porque não acredita, ou não acredita porque quer parar?" E isso vale pra gente pensar, muitas vezes desistimos dos nossos sonhos porque dizemos que não acreditamos mais neles, mas será que realmente não acreditamos ou simplesmente achamos que não temos forças para continuar lutando por eles? Entretanto, o personagem do filme, depois de tudo o que aconteceu reflete sobre isso e diz: "O mundo é um bom lugar e vale a pena lutar por ele, concordo com a segunda parte"

 

Relações criminosas

Eu assisti esse filmes um dia antes de ir no cinema pra ver "A história de Hugo Cabret" e apesar das histórias serem totalmente diferentes, uma das lições é a mesma: Não tente fugir do seu passado. É muito engraçado eu assistir dois filmes com o mesmo ensinamento em dois dias seguidos. Eu realmente devia estar precisando muito ouvir isso. Entretanto,  o filme é muito violento, e em algumas partes, extremamente bizarro, mas vale a pena por causa dessa lição. 

 

Busca implacável

Assim como o livro "Eu vi o inferno" denuncia o sub mundo da exploração sexual e moral de adolescentes. A diferença é que aquele é um livro totalmente real, um testemunho, e o filme mostra uma realidade que existe, mas não é baseada em um caso inteiramente real (pelo menos não diz que o é). Mostra claramente o perigo de confiar em pessoas irresponsáveis e em estranhos. 

O julgamento

Imagina se a namorada de um rapaz aparece morta depois de ter saído com ele e a perícia mostra qe no corpo dela há substâncias entorpecentes? O namorado, é claro, é o primeiro suspeito, o que é agravado porque ele é visto no local do crime e alega não se lembrar de nada. Qualquer um acharia que é mentira, né? Um advogado que havia acabado de tentar suicídio, não, e ele fará o impossível para provar a inocência desse rapaz, colocando em risco a sua própria vida para desvendar essa trama. 

A Rede

Há alguns anos atrás eu assisti "A Rede 2.0", mas não me lembro muito bem e acho que sequer havia entendido completamente. Ao que parece ele é uma continuação desse filme com outra história e outros personagens, mas com a mesma temática: A internet. Esse filme foi feito em 1995, logo no começo da abertura da internet para a população, e naquela época foi considerado ficção científica. Entretanto, hoje, menos de 20 anos depois podemos perceber que tudo isso é totalmente possível: Trabalhar em uma empresa sem sair de casa e nunca ter conhecido ninguém pessoalmente,  e ser enredado por isso, perdendo totalmente sua identidade. Precisamos tomar cuidado também para não acharmos que estamos ajudando, sem perceber que na realidade estão nos usando para planos obscuros.  

 

O diabo no banco dos réus

Luke O'Brien é um jovem revoltado com a vida e principalmente com o diabo, a quem atribuí todos os seus problemas e os do mundo. Como estudante de direito, resolve investir em uma ideia aparentemente absurda: Processar Satanás em 8 trilhões de dólares. É claro que todos ridicularizam sua ideia, mas pra espanto de todos, o diabo resolve aparecer em pessoa para se defender contando para isso com a ajuda dos 10 melhores advogados do país. Entretanto, depois de algum tempo, ele percebe que o diabo tem sim culpa, mas ele também, e vê que se continuar levando o caso para sua própria satisfação poderá piorar as coisas. Que o que ele precisa mesmo é consertar
sua vida com Deus para ter a autoridade que Jesus nos garantiu dar contra o inimigo.

 

Acampando no inferno

O filme fala sobre uma comunidade de católicos fundamentalistas que todo final de verão fazem um acampamento para jovens, onde tudo é proíbido. Em alguns momentos a organização (não poder conversar, usar aparelhos tecnológicos, ler, etc...) me lembrou os Encontros com Deus. A diferença é que no Encontro tudo é feito em ordem e amor, não pela pressão e medo.
Tem a pretenção de ser um filme de terror, mas não é, a não ser que estejamos falando em terror psicológico. E também dá pra perceber que não é um filme cristão, mas mesmo assim conseguiu dar uma lição bem dada. Um dos personagens em certo momento explica que o acampamento mais causa dano do que ajuda os jovens, porque lá só vivem acusando, amaldiçoando e amedrontando, e isso, ao invés de expulsar os demônios acabam atraindo eles mais, porque se alimentam disso. Essa é a pura Verdade, devemos conquistar as pessoas através do amor, e não pela intimidação.

 

A lista

Renny Jacobson, após a morte do pai, é surpreendido pelo seu testamento, que deu todos os seus bens pra caridade e para ele apenas o direito de participação em uma centenária lista de amigos. No início ele se empolga, mas depois começa a perceber que os pactos envolvidos nessa lista são totalmente malignos e que ele é peça chave para quebrar a maldição que já dura séculos.
A parte que mais gostei do filme é quando uma das personagens diz: "O que há em comum entre o povo de Deus e seus inimigos é que ambos subestimam o poder da oração". Tremendo!

 

Agentes do destino

David é um pré candidato ao senado dos EUA que conhece Elise e se apaixona por ela, mas os "agentes do destino" que o filme não faz questão de explicar quem são e de onde vieram, fazem de tudo para impedir. A partir daí começa uma perseguição de tirar o fôlego para conseguirem ficar juntos.
Eu li algumas análises que chegaram até mesmo a comparar os tais agentes com anjos e o "presidente" com Deus, mas na minha opnião está mais para demônios porque são capazes dos mais altos níveis de manipulação, até mesmo a apagar a mente de quem toma conhecimento da existência deles. Essa é uma das razões porque não acredto em igrejas que se utilizam de técnicas como a "Benção de Manassés" que faz as pessoas esquecerem as coisas dizendo que é milagre de Deus. Alem disso, em uma certa hora um dos agentes diz que a maioria das pessoas seguem os planos traçados por eles. E bem sabemos que a maioria das pessoas, mesmo entre os crentes salvos, não seguem os planos de Deus. Pra mim é óbvio: Com Deus não há espaço para manipulação, mas para os demônios sim.
A parte mais interessante é quando explicam porque eles não poderiam ficar juntos. Dizem que ele é realmente "predestinado" a ser um político de sucesso que ia mudar muita coisa, que essa era a vida e o objetivo da vida dele desde a infância; mas se ele ficasse com a mulher que ele gosta apenas ela bastaria a ele, e por isso poderia desistir da sua missão prejudicando várias pessoas e mudando o rumo de muitos acontecimentos. Teria como ele ter as duas coisas? Teria, mas os agentes não estavam dispostos a arriscar.

 Desconhecido

Suspense de tirar o fôlego, mal deixa a gente respirar de tantas ações e reviravoltas. A parte que eu mais gostei foi uma frase que diz mais ou menos assim: Não importa se você fez, mas se ainda vai fazer. Não lembro se é exatamente com essas palavras, mas quer dizer que não importa o que já fizemos no passado se estamos dispostos a mudar e recomeçar. Brilhante!

 

A letra que mata

Evan e Nora são mandados para uma cidadezinha do interior para pastorear um igreja após a morte de um dos pastores auxiliares. Chegando lá logo são recebidos pela senhora Pat, que parece ser a pessoa mais fiel da igreja, mas não demoram a perceber que o filho dela parece ter algo a ver com a morte misteriosa do outro pastor. E também que essa mulher parece querer controlar a igreja mais que o pastor presidente.
Suspense de tirar o fôlego que mostra que a letra mata em todos os sentidos e a importância de se investir na juventude, que não são a igreja do futuro, mas do presente.

 

 A chamada

Embora tenha o mesmo nome do filme que comentei anteriormente essa é uma produção cristã distribuída pela recem criada Graça filmes.
Apesar de não ter entendido muito da história, é muito confuso o passado, o presente e o futuro, e isso acabou dando um nó na minha cabeça, consegui compreender a mensagem central e por isso o indico aqui.
Não devemos viver como cristãos invisíveis, mas é nosso dever de testemunhar Jesus para todos quantos conhecemos, com as nossas palavras e, principalmente com as nossas atitudes de fazer a diferença nesse sistema de coisas.

 Invasor de mentes

Imagina uma empresa que comprou todas as outras existentes? Esse é o terrível cenário imaginado por esse filme, em que a mega coorporação "Hope" monopolizou todas as empresas do país e que agora colocou em prática seu mais audacioso plano, a utilização de microchips para controle mental individual da população. Isso te lembra algo?


Manipulador de cérebros

Esse filme é baseado nos experimentos reais da CIA chamado de MK ultra e supostamente finalizados, entretanto há sérias desconfianças de que o programa ainda está em funcionamento, embora ninguém saiba exatamente o que ocorre por lá, sabe-se somente que a intenção é controlar mentes para fins obscuros.
O filme tenta criar uma situação hipotética desses experimentos que causa repulsa e assusta devido a imensa violência, mas ninguém pode dizer se os verdadeiros experimentos foram ou são piores que os mostrados no filme, nesse caso o que conta é a intenção.

Jogo de mentiras

Dessa vez escolheram a tradução perfeita, ainda que não literal, esse filme é praticamente um dentro do outro e se torna praticamente quase impossível entender o que é verdade e o que é mentira porque são tantas e tantas tramas que acabamos nos perdendo em meio a elas. Apesar da extrema violência e jogos de manipulação utilizados fica mais que claro que quem quer viver uma mentira pode acabar prisioneiro de mentiras ainda piores.

A chamada

Quase todos que estudam conspirações provavelmente já ouviram falar do sistema "echelon" usado para monitorar conversas telefônicas, e-mails, fax, etc, certo? Esse é o tema central desse filme que mostra o quão invasivo esse sistema é e o quão perigoso se torna pra quem descobre isso porque não tem praticamente pra onde correr, entretanto, como em quase todo o filme, a situação tem solução, o que não acontece na vida real. 

 Busca alucinante

O filme prende a atenção do começo ao fim ao mostrar a busca de uma jovem por seu namorado que misteriosamente desapareceu no hospital enquanto fazia uma operação e com a aparente conivência de todos, uma vez que ninguém demonstrava sequer saber que ele esteve lá, entretanto, nem ela e nem nós imaginamos que tudo é muito mais profundo do que aparentava em um primeiro momento, e o que é pior, ela evitaria todos os problemas se fosse mais atenta ao que estava ao seu redor. Assim muitas vezes nós também não prestamos atenção a detalhes que podem fazer toda a diferença a curto, médio ou longo prazo.

A Conspiração

A grande maioria de quem estuda conspiração sabe que há uma grande probabilidade de que o presidente dos EUA "John Kenedy" tenha sido assassinado por não concordar com os planos da Agenda global illuminati. O filme é feliz em mostrar evidências que Lee Harvey Oswald não foi o verdadeiro autor do assassinato e que os serviços de inteligência norte americanos fizeram de tudo para encobrir isso, mas é superficial ao não especular nenhuma razão pra que o próprio governo o tenha assassinado.


 O mistério das duas irmãs

Surpreendente do começo ao fim porque são 2 histórias dentro de uma só. A aparente que é muito bem construída e a real que é completamente diferente e só é revelada no final. Enfim... Não tem muito o que falar, é só vendo mesmo. Mas um conselho: Fique esperto (a) para não ser enredado por ela.

Jovens malditos

A história do filme é muito interessante, surpreendente e absurdamente real, mas é perigosa. Várias das situações, conceitos e dilemas são reais, o problema é que dá a entender que o destino é inevitável para os predestinados para o mal. Então fiquei em um dilema se essa é a “visão” de quem produziu o filme ou se a intenção foi mesmo ridicularizar o cristianismo. Outra coisa: O discurso do final do filme pode ser usado tanto por satanistas, como por cristãos, tanto que aqui no site eu falo bastante sobre isso, principalmente no BLOG.

Demon town – A cidade do demônio 

Muitas vezes as distribuidoras brasileiras avacalham ao traduzir os títulos dos filmes porque perdem a essência do original ou não tem nada a ver mesmo. O título desse filme não tem nada a ver com o conteúdo, mas nem foi um erro da distribuidora. Só conseguiria entender esse nome se demônio fosse no sentido de pandemônio (confusão), porque só há uma cena em que demônios são citados... Quando uma das personagens diz que palhaços tem inspiração demoníaca e por isso tem medo deles. O filme é muito bom, e apesar das 2 horas de duração não é cansativo, na verdade parece até 3 em 1. Fala sobre um escritor que escreveu um livro pra tentar lidar com a morte do pai. No livro ele coloca todas as pessoas da cidade dizendo que foi um assassinato, o que causou o ódio de todos, fazendo ele se exilar. Anos depois ele volta e tenta decifrar os mistérios que acontecem na cidade, enfrentando a desconfiança de todos. Podemos pensar que muitas vezes, mesmo partindo dos pressupostos errados, acabamos chegando no caminho certo.

A onda

Por que os alemães, pessoas cultas e inteligentes, se deixaram dominar pelo espírito nazista? Essa é a pergunta abordada na sala de aula durante a semana em que o professor ia falar sobre autocracia (ditadura). Melhor do que explicar, que tal fazer um experimento? É isso que o professor propõe aos alunos e obtém reações positivas, criando assim o movimento “A onda” que dá título ao filme.

O problema é que o experimento sai do controle e não há como voltar atrás gerando uma tragédia.

Foi baseado em uma experiência real ocorrida na Califórnia em 1967, e como quase todo filme assim, termina de forma meio vaga e sem o clássico final feliz. Achei muito semelhante, pra não dizer igual, ao documentário “Deuses da Nova Era”, já comentado aqui.

A órfã

Começa meio devagar e faz a gente ficar perdido sem entender muita coisa. Mas logo pega o rítimo. Ele aborda um tema muito polêmico, a maldade infantil, como “O anjo malvado”, “Reféns do mal”, “A profecia”, entre outros... Mas esse é um pouco diferente dos demais, eu só não posso contar o porquê pra não acabar com a surpresa dos que desejam assistir o filme. Só achei o final um pouco confuso, tentaram dar muita ação, só que não conseguimos acompanhar direito o que acontece.

Os cavaleiros do Apocalipse

A trama do filme é muito interessante, tão interessante que não conseguiu explicar todas as revelações. Mas uma lição ficou não deixar os filhos sozinhos, ou eles poderão se tornar os “cavaleiros do apocalipse”. Foi isso que entendi quando disseram que falta revelar quem é o cavaleiro do cavalo branco, que na Bíblia é o espírito do anticristo, ou seja, a destruição de todos os valores cristãos, e a família é um deles.


 Zack – Detetive particular

Zack é um detetive particular que aceita a proposta de um jovem chamado Jeremy pra ser seu assistente. Ele recebe a incumbência de investigar uma pessoa a pedido de uma seguradora. Mas com a ajuda de Jeremy e de uma moça que surge em seu caminho aparentemente por acaso ele vai descobrir que há cosias muito piores por trás dessa história que sempre é tempo de trabalhar pra Obra de Deus.

Mundos paralelos

Durval Montenegro é um executivo bem sucedido que vive a sua vida centrada nos negócios, até que resolve viajar pra África em busca de sociedade com um empresário local chamado Justino. A partir daí a vida de Durval vira de ponta a cabeça, porque tanto ele, como a sua família começam a ser alvos de ataques de bruxaria, mas que em Justino não tem nenhum efeito, porque ele é um cristão. Isso muda até que a família de Durval começa a buscar Jesus, o Único capaz de restaurá-los, mas ele continua irredutível e se recusa a acreditar no mundo espiritual.

Achei a teologia da prosperidade um pouco exagerada, mas a história do filme é boa ao mostrar que o poder de Deus transforma a vida dos que buscam a Ele de todo o coração. A citação mais marcante é essa: “A gerência mudou, Lúcifer foi despedido, quem manda agora é Jesus”


 O julgamento do diabo

O tema central desse filme é mostrar como que o diabo consegue enganar e manipular as pessoas, que em busca de prazer momentâneo se esquecem de Deus, traem os amigos, mas não encontram a tão esperada felicidade que só Deus pode dar.

Pra ser cristão, só faltou falar que Jesus é o Único Salvador. E como quase todo filme de suspense/terror termina com uma clássica surpresa, mas que, pelo menos eu consegui sacar desde o início porque já havia visto em outros filmes. Não vou falar mais nada, mas vou deixar uma frase marcante:
Quem deu este tipo de poder a esta criatura? Certamente não Deus!Ele o baniu! Ele não tem poder natural...A triste verdade é que a força dele vem de nós. Porque acham que ele trabalha tanto? Arrematando o máximo de almas humanas possíveis só porque elas possuem o que ele não tem: livre-arbítrio.

Reféns do mal

Eu ouvi falar desse filme através de uma amiga da escola em 2007. Desde então tinha interesse em assistir, mas só fiz isso esse ano (2009) e realmente gostei do que vi.

Ele é muito semelhante ao “A profecia”, mas não cometeu a heresia de distorcer o livro do Apocalipse, apesar de sugerir uma hipótese pouco acreditável, mas que não seja a ser herética. Alem disso mostra que o bem sempre vence o mal e todos tem chance de arrependimento, gerando uma mudança de vida.

Uma cosia que achei superinteressante é que a parte que o menino faz o seu discurso é IDÊNTICA a um pedaço da musica (O inimigo) que serviu de gancho pra eu falar sobre as conspirações pra minha amiga na escola. rsss

Encontro fatal

Liz Watson é uma brilhante jornalista dos EUA, mas que fez o que não devia: Mexer com a Igreja de Cristo na terra, generalizando todos os cristãos como hipócritas. Então ela recebe uma mensagem vinda de Deus dizendo pra aceitar Jesus e botar a “casa em ordem” porque no dia 19 de setembro às 18 horas irá morrer. Ela em um primeiro momento não dá importância, mas depois faz de tudo pra evitar que a profecia se cumpra.

Esse filme me lembrou bastante o mito de Édipo, onde a fuga do destino só faz uma coisa: Levar a pessoa ao próprio encontro fatal (= inevitável) com ele. Entretanto isso não tira o livre arbítrio, porque ela teve todas as chances imagináveis de consertar sua vida antes disso.

comportamento suspeito

Comportamento suspeito

Esse filme é tão macabro que eu não entendi direito até hoje. Mas vale a mesma reflexão do Coraline, o “perfeito” quase sempre é uma armadilha. Quando revê-lo volto aqui e explico mais. 

inimigo em casa

 Inimigo em casa

Conhecem aquela historinha do “Pedro e do lobo”? O Pedro sempre dizia que o lobo estava vindo e era mentira, quando ele realmente veio ninguém acreditou e o Pedro foi devorado.
Esse filme é do mesmo jeito, mas felizmente, teve um final feliz. A mentira realmente tem perna curta e a verdade sempre prevalece.

coraline e o mundo secreto

Coraline e o mundo secreto

Esse não é um filme infantil, consegue ser mais bizarro que Alice no país das maravilhas. Tem umas partes que nem eu consegui entender direito. Mas mesmo assim eu recomendo para reflexão que o mundo perfeito com todos os nossos desejos realizados quase sempre é uma armadilha (é assim que o inimigo trabalha) e que sempre vale a pena valorizar o que temos.

zodiaco

Zodíaco

Esse filme não tem nada a ver com astrologia, porque se tivesse, vocês sabem que nunca indicaria aqui, né?
Ele foi baseado em fatos reais sobre um serial killer que agiu em São Francisco no fim da década de 60.
Apesar das mais de 2 horas e meia, não é cansativo, o único problema é que foge um pouco da expectativa de um filme de suspense, mas não posso falar o porquê.

perseguição infernal

Perseguição infernal

Uma turma de estudantes universitários foi se drogar em uma mata afastada e presenciou um ritual de sacrifício de uma sociedade secreta chamada de “irmandade dos iluminados” (hein?). Um foi morto lá mesmo e eles fugiram achando que poderiam continuar levando uma vida normal.
O único problema aparentemente foi que os policiais não acreditaram neles devido aos seus antecedentes. Então resolveram investigar por conta própria, mas a tal organização estava infiltrada em todos os lugares: Na escola, nos comércios, na polícia, etc. Assim muitos começaram a morrer em circunstancias muito estranhas.
Um dos colegas desse grupo que é um cristão nascido de novo, começa a ajudar nas pesquisas e logo entendemos que a Organização quer manipular a todos através de mensagens subliminares que instigam o interesse pelo ocultismo.
Uma das meninas que já tem interesse pelo assunto acabou entrando para a ordem e descobre que o seu objetivo final é a Nova ordem mundial com um único governo em que todos terão uma marca de identificação tecnológica (é realidade purinha).
Agora vai começar uma corrida contra o tempo para salvar suas vidas em uma situação em que nunca sabemos em quem podemos confiar. E as únicas armas capazes de combatê-los são as espirituais que apenas quem tem fé em Jesus como único Senhor e Salvador possuí.

a-ultima-profecia

A última profecia

Esse dizem que é baseado em fatos reais e eu fui pesquisar. Realmente foi inspirado em um livro da década de 70, esse por sua vez foi inspirado em vários acontecimentos dos anos 1966 e 1967. É claro que o filme exagera e muito, na década de 60 não existiam computadores como os que temos hoje. Rsss

Uma coisa que achei superinteressante é que mesmo o filme não tendo inspiração cristã, uma parte foi mais cristã que de muitos filmes evangelísticos. Tem uma hora bem no final em que o personagem principal recebe a mensagem que sua mulher que morreu quer falar com ele, então sua amiga diz que seja o que for que se comunicasse com ele poderia ter a voz e o jeito de sua mulher, mas não seria ela. O filme dá a entender que se ele “falasse” não poderia fazer a diferença com o que sabia, essa é uma das estratégias do inimigo, aguçar nossas mentes com o sobrenatural, mas no final não dá em nada. Nesse caso deu, porque ele não caiu na cilada.

game-nemesis

Game Nemesis

Apesar de muito triste e meio decepcionante esse filme é bem legal.

Tem vários enigmas, muitos deles eu consegui decifrar, outros não e ele também não deu a resposta, por isso que disse que é meio decepcionante. Apresenta também várias reflexões sobre a vida e a vontade de querer saber o porquê de tudo que acontece, segundo o filme esse é o sentido da vida (procurar respostas), mas não é bem assim. He he 

inimigo-do-estado

Inimigo do Estado

Esse filme mostra um advogado sendo perseguido implacavelmente por causa da gravação do vídeo de um assassinato, mas ele não sabe disso. De repente, sem entender o motivo, ele perde o emprego, tem seu cartões de crédito cancelados,vira uma espécie de alvo ambulante e além do mais ainda é acusado de criminoso pela sua mulher.

Por ela, ele começa a tentar investigar o que está acontecendo e descobre coisas inimiagináveis. Também achei interessante que podemos fazer uma analogia, de que a verdade pode estar onde a gente menos imagina, no caso, na sacola de presesntes de natal. 

o-poder-da-midia

O poder da mídia

Esse parece que não é nem ficcional, mostra a realidade por trás das grandes empresas da mídia em que todos tem pelo menos uma coisa a esconder. O mais interessante é que o filme deixa claro que o buraco é bem mais embaixo e “eles” é que estão realmente por trás de tudo, o filme não fala quem são, mas a gente sabe, né? he he

o-show-de-truman

O Show de Truman

Imagina uma pessoa que vive dentro de uma espécie de “Big brother” 24 horas por dia desde que nasceu? É isso que acontece com Truman nesse filme.

Simplesmente fantástica essa idéia, principalmente com essa onda de reality shows que temos por aí. Mas acredito que a intenção maior do filme é questionar se a gente também não está em uma espécie de mundo virtual, de sonho, o tempo todo. Essa, eu acho que é a sua melhor parte, até porque faz todo o sentido.

nancy-drew

Nancy Drew

Depois de quase um ano procurando finalmente consegui encontrar e valeu a pena a espera. É excelente mesmo.

Conta a história de uma adolescente que mora um uma cidade pequena e gosta de investigar os crimes e cooperar com a polícia local. Seu pai precisa morar por uns tempos em Hollywood e praticamente a proíbe de investigar. Ela bem que tenta se entrosar, mas não consegue e logo está envolvida em um mistério que dessa vez a coloca em perigo de verdade e tem a oportunidade de com isso, ajudar mais pessoas.

Eu gostei muito do exemplo que ela dá, diferentemente das adolescentes fúteis e levianas dos outros filmes; ela veste roupas decentes (até demais) e até o seu namoro é diferente dos considerados normais. Além, é claro, de se preocupar com os outros.

vozes-do-passado1

Vozes do passado

Esse é um dos filmes mais surpreendentes que eu já vi. Alucinante do começo ao fim.

Michael (nominho estranho para mulher he he) é uma atendente do serviço de emergência por telefone. Um dia ela recebe uma ligação de uma menina em um prédio em chamas, mas o tal endereço não existe. Também descobre que está com uma doença séria. Entretanto, apesar de todos os contratempos resolve investigar de onde é a tal ligação que recebeu.

Temos aparentemente 2 possibilidades: Ou ela está delirando ou é mais um desses dramazinhos espiritas. Descarte a segunda hipótese, porque se assim o fosse, jamais indicaria aqui. Então é a primeira? Hummm, e as surpresas? rsss

image0092

666 – A marca da besta

Depois de “o contato” acho que foi o filme cristão que mais me assustou, aliás, acredito que o que me assusta em um filme é o fator surpresa. Ou seja, parece que é uma coisa e é outra.
É meio difícil de contar a história desse filme, mas vou tentar:
5 homens estão trancados em uma base subterrânea junto com um computador “inteligente” que fica dizendo que os ama o tempo todo.
Segundo o filme uma catástrofe de proporções gigantescas está para acontecer do lado de fora e eles são os encarregados de proteger o conhecimento intelectual da humanidade nesse “super computador”.
Entretanto por estarem muito abaixo da superfície, o oxigênio só vai durar alguns dias e eles vão morrer por falta de ar. Nesse meio tempo o computador começa a mostrar para eles que tudo que está acontecendo já foi previsto na Bíblia há milhares de anos. Alguns acreditam, outros não.
Não posso falar mais nada ou então vai acabar com a surpresa do filme, mas as aparências enganam e você tem até medo quando no final explica porque o filme tem esse nome.
Ah, é muito semelhante ao 1984.

image0061

Deuses da Nova Era

Esse é um filme documentário que mostra porque as pessoas na Índia são tão conformadas com a miséria do país e como as idéias de lá estão invadindo o ocidente, principalmente as escolas e igrejas.
Tudo é por causa do sistema religioso que ensina as pessoas a esvaziarem o espírito para que outros tomem o lugar e muitos estão usando essas idéias como se fosse terapia psicológica ou manifestações do Espírito Santo.
Mostra também que Hitler usava muitas técnicas desse tipo para literalmente hipnotizar as pessoas e como a grande maioria está apita a receber qualquer um que diz ter as soluções para os problemas do mundo.
Já entendeu, né?  

image015

Sicko

Documentário de Michael Moore, o polêmico diretor responsável por “Fahrenheit – 11 de setembro”.
Dessa vez ele foi investigar o péssimo sistema dos planos de saúde nos EUA, que ao invés de ajudar só atrapalham as pessoas porque faz de tudo para não atender os pacientes, além de cobrar fortunas exorbitantes.
Ele mostra também que os EUA parecem ser o único país que não possuí nenhum tipo de assistência médica gratuita e nessa parte faz nós, brasileiros, refletirmos que o SUS por mais problemas que possa ter, existe e parece ser muito mais eficiente que os caríssimos planos de saúde estadunidenses.
É, parece que a situação nos EUA não está nada boa. É a nação mais gorda, mais imbecil e mais doente do mundo, tudo isso porque abandonaram os princípios bíblicos há muito tempo.
A crise lá já é antiga, agora (meados de 2008) está sendo apenas o ápice dela.  

image014

Inimigos invisíveis

Jackson é um universitário que encontra uns óculos com uma inscrição em latim que significa “Para um humano, a visão do diabo”.
Curioso, resolve experimentar e se surpreende ao ver a enorme guerra espiritual que acontece ao seu redor. O grande problema é que ao contar para os amigos eles não acreditam em nada.
Furiosos, os demônios querem os óculos de volta e fazem de tudo para atingir Jackson, mas como ele é um cristão todas as tentativas são infrutíferas.
Então resolvem atacar a sua irmã, que além de não ser cristã, só se mete em confusão, influenciada pelos demônios, é claro.
A maldição se torna benção porque ele finalmente compreende porque sua irmã nunca quis se converter e como autoridade espiritual começa a orar e repreender os demônios pelo poder do sangue de Jesus.  

image013

O buraco

Na mesma linha de “Deu a louca na chapeuzinho” também tem como tema central uma mesma história contada por diversos pontos de vista, mas isso é apenas aparente.
Também precisa ter nervos de aço para assistir, mas nesse o diretor fica tentando te enganar o tempo todo.
De tanto assistir filmes de suspense, já estou, digamos assim, “vacinada” contra certas estratégias, só não imaginei que fosse tão violento, então nesse aspecto conseguiu surpreender.
Não posso falar mais nada ou então vou acabar contando o segredo do filme.
Ah, e não tem final feliz, mas qual é o problema? Afinal a vida não é um conto de fadas e a mente humana (não guiada por Deus, é claro) é imprevisível. 

image026

Controle absoluto

Dizem que a vida imita a arte, mas estou cada vez mais conhecida que na realidade é a arte que imita a vida.
Esse filme mostra direitinho como funciona o Echelon (sistema de monitoramento mundial), mas com um outro nome e só faltou usar a frase “nova ordem mundial”.
É ação e suspense do começo ao fim e faz você quase pular da cadeira (não pulei porque a minha perna estava machucada) a cada cena. O final é feliz e muito emocionante.  

image023

A companhia dos lobos

É desse filme a inspiração para a primeira frase desse site, mas no filme é falado “conto de fadas”, ao invés de ficção.
Ele faz uma paródia com o conto de chapeuzinho vermelho, que nunca foi uma história infantil, mas de alerta às mocinhas ingênuas que caem na lábia de qualquer um.
Nesse filme é explicita a conotação sexual e o amadurecimento, a passagem da infância para a adolescência. E como a avó de Rosaleen disse “Tenha medo dos lobos peludos por dentro”, essa é uma clara referência aos homens que só querem se aproveitar das mulheres e fica muito pior quando elas cedem a isso.

image019

O visitante

Típico filme de terror cristão, também lançado por uma produtora secular.
Pode chocar um pouco quem tem nervos sensíveis, mas não ao ponto que os que alertei anteriormente.
Faz a gente refletir, como diz na própria capa que “nem todo milagre é uma benção” e confiar nos próprios sentidos ou em qualquer tipo de manifestação sobrenatural pode ser muito perigoso.
Também mostra que situações adversas fazem parte da vida de todos e não devemos jamais perder a fé em Deus por causa delas.  

image010

Super size me

Esse é do tipo de filme, como “A jornada” que você fica em dúvida se ri ou se chora. Tipo assim: Seria engraçado se não fosse trágico.
O diretor, preocupado com o nível de alimentação dos norte americanos e após duas garotas tentarem processar a rede mcdonald’s depois de terem engordado muito resolveu se submeter a uma dieta de um mês comendo apenas no mcdonald’s.
Morgan Spurlock fez rigorosos exames antes, durante e depois da sua dieta.
Os resultados foram catastróficos porque além de engordar 11 quilos e ter todas as taxas nutricionais elevadas, ele ainda sentiu fraqueza, náuseas, desânimo, dores de cabeça, entre outros sintomas.
O filme provou que além de os EUA serem a nação mais gorda do planeta, é também a mais imbecil e o quanto as duas coisas estão interligadas porque esse cardápio é ruim não apenas para o corpo, mas principalmente para a mente.

image0031

A experiência

Esse filme é só pra quem tem nervos de aço, igual “Menina má.com”. Tem uma temática super interessante.
Simular um presídio, onde por sorteio são determinados os guardas e os prisioneiros, mas como cada um só quer o próprio interesse, isso gera inúmeros conflitos onde muitos acabam mortos ou feridos.
Tudo acontece porque os prisioneiros começam a ficar angustiados e carentes, enquanto o poder sobe à cabeça dos guardas.

 18053

O Contato

Os trabalhadores de um observatório destinado a encontrar inteligência extraterrestre captaram um sinal vindo do espaço pelo computador.
Então chamam o dono do lugar, sua secretária, um técnico de computador, um padre e a imprensa para transmitir o “maravilhoso acontecimento” em rede mundial.
Os problemas começam logo no início porque aparecem alguns policiais e a partir daí não param mais.
Várias pessoas ficam violentas, matam umas as outras e se suicidam.
Os únicos que não são afetados são a secretária do dono do observatório e o técnico que é deficiente auditivo e escuta por um aparelho.

Esse filme é da mesma produtora que a série: Apocalipse, Revelação, Forças diabólicas e Julgamento.
Não sei porque traduziram com esse nome, o original é “Deceived”, acho que “O Contato” chama mais atenção que “Enganado”.
Achei bastante forte, é do mesmo tema que “Não identificado”, mas lá a batalha é apenas ideológica.

 2012

2012: O ano da profecia

Já marcaram diversas datas para o Fim do mundo (1999, 2000, 2007…), e todas elas, completamente falsas. A próxima data, segundo alguns, é 21 de dezembro de 2012, porque é a data em que termina o calendário Maia.

O filme mostra o encontro de várias pessoas que não se conhecem, nesse dia, e apesar de ser completamente cética na possibilidade literal do Fim do Mundo (eu acredito nas profecias da Bíblia), esse filme acertou em muitos pontos: Como o caos na natureza, alguns diálogos super construtivos sobre a fé em Deus, em um momento dá-se a entender que ocorreu o arrebatamento e o mais importante, deixa claro que não é o fim. Entretanto há alguns problemas, como misturar cristianismo com paganismo e não revelar o que acontecerá depois do arrebatamento, mas mesmo assim vale a pena e não é apenas mais um filme místico ou que explora somente as catástrofes. 

k-pax

K PAX

Esse é mais um daqueles filmes que não te dá tudo de graça, ou seja, tem interpretação ambígua de acordo com o que você quer acreditar. O enredo dá margens para acreditar tanto que Prot é um extraterrestre em missão na terra, quanto um paciente psiquiátrico que criou um mundo particular para lidar com os traumas do passado. Eu particularmente aceito mais a segunda hípótese, e você?

equilibrium 

Equilibrium

Na onda dos filmes sobre a conspiração, mas que no fundo tem a função de desacreditá-las mostra uma ditadura pós terceira guerra mundial, onde as emoções são proíbidas porque são tidas como a causa das guerras anteriores. Para serem controladas por um tal de “Pai” as pessoas são obrigadas a tomar uma droga chamada “prozuim” (mistura de prozac com valium). Inicialmente a droga se chamaria “Libium”, mas por já existir um remédio com esse nome precisaram mudar.

image0082 

Fenômeno Lázaro

Como “Escapando do inferno” trata das chamadas EQM’s (experiências de quase morte), mas de um ponto de vista mais científico, com casos reais (os do outro filme também eram, só o principal exagerou na falta de lógica) e entrevistas com médicos.
Primeiro há uma pequena introdução explicando sobre o tema, depois mostra dois depoimentos de pessoas que tiveram as experiências e em seguida uma conclusão.
Um dos depoimentos é de um pastor da Nigéria que sofreu um acidente de carro e ressuscitou 3 dias depois, esse eu já conhecia porque antes da volta as aulas de 2008 eu estava fazendo margem no caderno (sim, eu estava no terceiro ano e tinha um caderno igual de terceira série. Rsss), sei que até arrepiei e parei de “margear” por uns 5 minutos de tão impactante que ele é.
O segundo é de um surfista que foi picado por 5 cubozoas, mas ninguém quis ajudar e se arrependeu de ter sido tão incrédulo na última hora.  

image022 

Os anos da besta

Esse filme é muito antigo e a qualidade técnica não é muito boa.
Como “Megiddo” teve a pretensão de mostrar toda a tribulação e conseguiu fazer isso de forma satisfatória.
Os fatos significativos não foram esquecidos (arrebatamento, anticristo, falso profeta, marca da besta, desastres naturais, etc).
Ele se passa em uma faculdade que está encerrando as atividades por tempo indeterminado por causa da crise econômica.
Após o arrebatamento é declarada a lei marcial e um dos professores vai com a mulher para o interior encontrar com os pais dela (que também foram arrebatados).
Lá eles estudam a Bíblia (por causa de um livro sobre profecias que ganhou de um colega também desaparecido) e se juntam com uma jovem e um mendigo para fugir da polícia que está caçando e matando todos os cristãos.
O grupo encontra com um outro e juntos decidem se refugiar em uma fazenda abandonada até Jesus voltar e destruir a Nova Ordem Mundial. 

image0011 

O Final de tudo

Um homem condenado à morte por dezenas de estupros e quatro assassinatos está sendo defendido por um humanista que luta pelos direitos humanos e ajudou vários países africanos em guerra. Essa já é a terceira vez que a execução é marcada e ele vai fazer de tudo para adiar mais uma vez. Mas o prisioneiro acaba sendo executado, o homem é morto no meio do seu discurso, juntamente com 2 jovens cristãos. Agora eles vão encarar o julgamento onde todos os segredos serão revelados.

Quem vai e quem não vai ser salvo?
O que conta? O arrependimento ou as boas obras?
Por que não adianta dar o peixe, mas ensinar a pescar?
Todos que se dizem cristãos realmente são?

O filme é excelente, apesar de curto. Só achei muito exageradas as discussões, mas conseguiu cumprir muito bem o propósito de nos fazer refletir sobre todas as oportunidades que Deus nos dá e de que quase sempre as aparências enganam.

18022 

1984

Esse é o filme do livro homônimo de George Orwell (o mesmo que cito no comentário do Big Brother).
Gostei bastante do filme, apesar de que todos dizem que o livro é melhor.
A história se passa em um mundo futurista onde existem apenas 3 países que estão sempre em guerra. Essa sociedade é governada pelo “Big Brother” que tem uma máquina capaz de ver dentro de todas as casas e escritórios. Toda espécie de prazer é proibida.
Winston e Júlia são funcionários do ministério da verdade e resolvem ter um caso amoroso, a partir daí é só surpresa.
Esse filme (e o livro) tem tudo a ver com a vindoura Nova Ordem Mundial, apesar de ser uma crítica escancarada ao comunismo (o livro foi escrito em 1948), não sei dizer se o autor tinha conhecimento do que irá acontecer, mas tem bastante coisa estranha. 

17495 

Meggido

Depois da série “Deixados para trás”, esse deve ser o filme apocalíptico mais conhecido.
Ele começa mostrando a infância do anticristo (parecendo “a profecia”), depois a adolescência, juventude e fase adulta.
O objetivo do filme é mostrar todo o período tribulacional, mas é evidente que não deu muito certo. Não mostrou o arrebatamento, nem a marca da besta, foi enfatizado as guerras, fomes, pestes e desastres naturais, o que nunca tinha visto em um filme desse tipo.
Como em todo filme hollyohdiano sempre tem o presidente dos EUA pra salvar a situação, em “Meggido” não foi diferente, mas podemos dar um desconto, porque ele não conseguiu salvar os EUA, só a própria vida.

Ouvi dizer que tem um filme anterior, talvez as lacunas sejam por isso. Ah, e o diaboque apareceu nesse filme, ao invés de medo, faz é rir. 

17494 

Illuminati, Skull e Bones e outras sombrias irmandades

Nem sei de onde saiu esse DVD, a única vez que o vi foi em uma revistaria. Diz que foi produzido por um tal “Canal infinito”.
Consegui comprar onde compro todos os filmes não comerciais.
O documentário investiga a história e as propostas das sociedades secretas que tinham como objetivo a dominação mundial.

O interessante é que ele não é parcial, são mostrados os fatos e os expectadores tiram as próprias conclusões.  

 17493

Fahrenheit – 11 de setembro

Documentário que mostra o que se passou no governo Bush antes, durante e depois dos atentados de 11 de setembro.
O que é mostrado e provado, inclusive com vídeos e documentos pode chocar a muitos.
Com os meus estudos eu já havia chegado a essas conclusões, mas nunca tinha visto de uma maneira tão explicita e concisa.
Entretanto, o “buraco” é mais fundo do que mostra o documentário.
Bush e Bin Laden não só mantém relações comerciais, mas também são irmãos (em ideais). De cristão, o Bush não tem nada, só pelos seus frutos dá pra perceber. Quando ele diz que é nascido de novo, é por causa do ritual super macabro da “skull e bones” de entrar em um caixão e contar todos os segredos. 

17463 

O Arrebatamento
O Arrebatamento 2 – The moment after
O Arrebatamento 3 – Despertamento

Essa série de filmes é melhor que “Deixados pra trás”, mas não há uma conexão entre o primeiro e os dois posteriores.
Acho que é porque não estava nos planos da produtora ter a continuação e os atores não quiseram participar.
O primeiro mostra como se fosse um documentário, mas na vida de uma família, em uma faculdade e em uma empresa os sinais do cumprimento das profecias. O arrebatamento é a última cena do filme.
No segundo, não são sequer mencionados os personagens do anterior. O foco muda totalmente para dois agentes federais (encarregados de fazer um recenseamento de todos os desaparecidos) e um judeu que se converteu.
Nesse filme o governo nem tentou explicar o que aconteceu, melhor assim, é melhor não falar nada do que falar idiotice.

O terceiro, eu não entendi direito,   há dois grupos de dissidentes e policiais lutando no meio do deserto (aí ficou parecendo filme de faroeste), tem umas perseguições, um grupo que parece que persegue tanto os cristãos quanto os policiais, há lojas no meio do deserto, mas é bom do mesmo jeito. 

17459 

Menina má.com

Criatividade total, já começa pelo título.
Te deixa praticamente hipnotizado e faz a sua cabeça entrar em parafuso.
Quem é o herói? Quem é o vilão? Quem está certo? O que vai acontecer?
Mesmo depois que o filme acaba você fica com essas perguntas em mente.

Só é recomendável assistir quem tem nervos de aço. Eu tive que fechar os olhos em alguns momentos. 

17456 

Deixados pra trás – Ver para crer
Deixados pra trás – Comando tribulação
Deixados pra trás – Mundo em guerra


Essa deve ser a série de filmes cristã mais conhecida sobre o arrebatamento e a Nova Ordem Mundial, entretanto não é a melhor que já assisti (a melhor é a que comento mais ou menos no meio da página).
Acontece o arrebatamento, então o governo tenta explicar para as pessoas atônitas o porquê. A explicação deles, você tem que rir pra não chorar. Desmaterialização por ação da radiação química. Conta outra… Será que não ficou pra trás ninguém que tenha estudado para desmentir essa idiotice?
Mas não é ruim não, mostra muito bem a conspiração dos governos, a perseguição aos dissidentes, o pânico da população, o anticristo, o arrependimento, a conversão, etc.
Ruim mesmo são uns filmes que tem por aí que não vale a pena nem ver, só estou enfatizando que conheço melhores, mas vale a pena, principalmente como meio de evangelização e entretenimento. A série de livros possuí doze volumes e os filmes pararam no três, mas o quarto está em processo de produção. 

17455 

Teoria da conspiração

Jerry Fletcher é um motorista de táxi tão obcecado por teorias da conspiração que edita um jornal (com 5 assinantes) e procura códigos em tudo.
Quando ele começa a ser perseguido ele acredita que acertou em uma de suas teorias e por isso estão tentando matá-lo. O que ele não imagina é que o motivo é outro.

Bem, já ouvi falar da maioria dessas conspirações e acredito de verdade. Agora, sair procurando código e ficar com medo de tudo, realmente não dá. 

17454 

Contagem regressiva para a eternidade

Esse é um filme documentário produzido por uma tal “Eternal poductions” que nunca ouvi falar.
Foi o melhor documentário desse tipo que eu assisti, primeiro faz com que o expectador pense na verdade absoluta, como encontrá-la e que rumo esse mundo está tomando.
Em seguida, parte para o objetivo anunciado na capa: mostrar como as profecias bíblicas estão sendo cumpridas nos mínimos detalhes em 5 áreas:
Meio ambiente
Tecnologia
Moral (falta de moral)
Oriente Médio
Política
Depois tem a parte final, onde é feito o apelo ao som de uma música internacional com a legenda, provando que o “Fim dos Tempos” não é uma mensagem de destruição, mas de esperança.

Só um último detalhe: Esse filme é de 1997, mas a parte de “meio ambiente” é IGUAL a um documentário que assisti na escola e que foi produzido em 2007 

17379 

O anjo malvado

Quem me falava muito desse filme era uma amiga, ela sempre dizia que passava na “seção da tarde”.
Um dia (já tem bastante tempo) resolvi alugar.
É um daqueles filmes, que mesmo não sendo de suspense te prende a atenção e faz você ficar imaginando o que acontecerá depois.
Será que existem crianças assim? Sei lá… 

17378 

Escapando do inferno

Durante muito tempo o assunto “vida após a morte” foi discutido apenas pelas religiões.
Mas essa realidade começou a mudar com a invenção dos aparelhos que permitiram aos médicos “ressuscitar” pacientes que tiveram parada cardíaca.
Esse é o fio condutor do filme: As chamadas EQM´s (experiências de quase morte), mas tenho que confessar: realmente exagerou.
Ele conta a história de um médico que foi testemunha de várias EQM´s no hospital onde trabalha e resolve “brincar de entrar em coma” para ver o que acontece (absurdo).
Quando consegue ser “ressuscitado” sai correndo da cama, rouba uma ambulância e vai procurar uma Igreja (absurdo pior ainda).
Lá ele começa a conversar com um homem (o filme não explica quem é) e começa a contar toda sua história, inclusive de sua tensa relação com o pai, que ele nunca acreditou ter convertido genuinamente.
O filme é bem produzido, mas não convence. Diferente de “o inferno em chamas” que tem péssima produção, mas convence. 

 17376

Número 23

A introdução do filme é bastante interessante, mostra alguns fatos relacionados ao número de 23, apesar de algumas contas que não parecem dar 23, mas passa muito rápido e é apenas para despertar a curiosidade.

O filme é bastante envolvente e tem uma grande surpresa no final, precisa raciocinar bastante, acho que fiquei pensando durante mais ou menos uma semana. 

 17249

Apocalipse

Os conflitos no Oriente Médio estão aumentando drásticamente e o mundo está prestes a entar na terceira guerra mundial.
Helen Hannah é apresentadora do jornal da WNN e Bronson Pearl é correspondente em Israel e marido de Helen.
De repente sem que, nem por quê aparentes, centenas de milhões de pessoas e todas as armas da guerra desaparecem da face da terra.
Franco Macalousso, presidente da União Européia, consegue a tão sonhada paz e anuncia para o mundo que teve de destruir “as crianças que incitavam o ódio em seus corações”.
Sim, todas as crianças desapareceram, mas onde já se viu que elas incitam o ódio, sendo que são inocentes? E os outros? O pior é que quase todas as pessoas acreditaram e ainda aplaudiram essa insanidade.
A avó de Helen sempre falava que isso ia acontecer, ela também é uma das desaparecidas e Helen percebeu a enganação. Agora ela vai tentar mostrar a verdade para seu marido, que voltou do Oriente Médio.
Para piorar toda essa situação, Franco Macalousso, funda a ONE (Uma nação terra) e declara que todos os cristãos (chamados rancorosos) devem ser presos e mortos.
Que irônia…
Tentar unir o mundo dividindo as pessoas e incentivando a violência.

17278

Revelação e o livro foi aberto

A ONE adotou como logomarca a pirâmide com o olho que tudo vê dos Illuminati, escrito em latim: “Mundus vulti decipi”, que significa “o mundo quer ser enganado” (não poderiam ter arrumado um slogan melhor!).
Thorold Stone é um agente antiterrorismo da ONE contratado para exterminar os “rancorosos” acusados de explodir um  ônibus com crianças (estudantes, todas as crianças desapareceram) e de inúmeros ataques terroristas.
Franco Macalousso está distribuindo capacetes de realidade virtual para todos os habitantes da terra para serem usados no dia das maravilhas.
Só que esses “rancorosos” são cristãos perseguidos pelo governo global e Thorold Stone se recusa a matá-los; Selma que diz ter trabalhado para a ONE antes do arrebatamento entrega-lhe um CD com os dados do dia das maravilhas.
Thorold está muito insatisfeito com Franco Macalousso porque acredita que foi ele que deu sumiço em sua mulher e filha  e está desconfiado porque seus colaboradores parecem ter o estranho poder de atravessar paredes.
Então ele encontra um rakcer de computador que o leva para o esconderijo dos cristãos, ele é irmão de Helen.
Juntos trabalham para descobrir o que está no CD e entendem que o “dia das maravilhas” não será nenhuma maravilha.
Também descobrem que é a ONE que está armando os ataques terroristas.
Não confie no governo, nem em seus amigos, nem em você mesmo.
Em um mundo enganado só a fé sobrevive.

 17279

Forças diabólicas

O filme começa na década de 60, onde os irmãos Eileen, Calvin e Tom Canboro fazem a promessa de nunca se separarem na frente de uma árvore.
Muitos anos se passam…
Tom é um policial e se casa com Suzie, esta tem um irmão excêntrico chamado Jason, que se envolveu com ocultismo.
Franco Macalousso e outros satanistas estão difundindo que os homens podem conseguir tudo, se mentalizarem e unirem as energias, como na torre de Babel.
Jason é simpatizante dessa idéia.
Um dia, Tom é enviado para investigar o caso de um homem adepto das idéias de Macalousso que agrediu a mulher e se suicidou; Jason também tentou fazer o mesmo, mas não morreu e foi internado em um sanatório.
Eileen desconfia de possessão demoníaca e Tom tenta investigar, mas os colaboradores de Macalousso fazem um feitiço e o carro dele bate contra um caminhão.
Anos mais tarde, Tom acorda e é alertado para não colocar o capacete de realidade virtual, ele está preso.
Conseguindo fugir, percebe que o mundo está de cabeça para baixo: Franco Macalousso agora é presidente do mundo, a pirâmide com o olho que tudo vê virou logomarca mundial, só pode comprar quem tem a marca 666 e aqueles que não a tem estão sendo brutalmente assassinados.
Completamente atordoado, ele escuta a transmissão do grupo de resistência de Helen Hannah e vai procurar sua mulher e seus irmãos. Em casa, Tom encontra Calvin, mas ele não lembra de Eileen e ainda tenta matá-lo.
Helen é presa pelo governo global e tenta desmascará-lo na frente da população manipulada.
O que Tom ainda não sabe é que Eileen foi arrebatada e Suzie está escondida com o grupo de Helen. Na árvore onde ele fez um pacto com os irmãos, ele encontra Jason, que lhe conta tudo o que aconteceu. Agora eles terão uma séria decisão para tomar.

É tão triste a manipulação, né?
Como Tom disse:
“- Quem teve uma lesão no cérebro fui eu, mas parece que o mundo inteiro é que está insano”

 17300

Julgamento

Helen Hannah está presa e Franco Macalousso está muito irado porque os “rancorosos” não estão sendo mais perseguidos como antigamente.
Então ele convoca Vicky Thorne, promotora da ONE para simular um julgamento para Helen.
Vicky, por sua vez praticamente obriga Mitch Kendrik, um defensor público a participar do caso como advogado de defesa.
Entretanto tudo é uma farsa, porque o tal julgamento é todo roteirizado e Helen já está condenada à  morte por “ódio contra a humanidade”
Enquanto isso o resto do grupo está escondido e tem pessoas fabricando falsas marcas de identificação da ONE, que enganam os sensores (aliás, deve ser pior que o das cadeias brasileiras).
Mitch então, resolve dar um novo rumo ao “processo” alegando que Deus é que  deveria ser julgado porque Helen o segue, então ela não passa de um fantoche, mas afinal, quem são os verdadeiramente enganados? 2 + 2 sempre serão 4, mesmo que o mundo todo quiser que seja 5, será uma mentira porque a verdade é absoluta.
À partir daí a história vira uma mistura de terror psicológico com drama familiar, porque o pai de Mitch era um pastor que ficou no arrebatamento e foi morto pela ONE em rede nacional; esse caso agora vai mexer completamente com suas emoções.
Ainda haverá salvação?

Bem, vou parar por aqui, porque esse é um filme fácil de achar e barato.
De toda a quadrilogia é o mais fantasioso, mas os diálogos são bastante edificantes e o final, surpreendente. 

 17233

O inferno em chamas

Carlos e Adriana estão discutindo dentro de um carro, Esta tenta fugir e aquele a segue, ambos são atropelados.
Eles levantam normalmente e Adriana é puxada por um foco de luz. Carlos, ainda sem entender o que está acontecendo, vê uma equipe de médicos levarem seu corpo para o hospital, ele os segue e só então percebe que está em coma.
À partir daí, o filme começa a mostrar como era a vida dele, é uma história pra lá de confusa que eu nunca saberia contar aqui. Aparecem uns demônios (dá pra ver claramente que os atores estão usando fantasias) e o levam para o inferno, onde Carlos encontra todas as pessoas que maltratou e que ajudou a matar.
Ao perceber que o inferno é real, ele tenta avisar seus amigos, que estão em situação semelhante. Eles estão fazendo e falando todo tipo de atrocidades, que eu não vou nem comentar aqui para não chocar as crianças e adolescentes que estão lendo esse site. Mas é evidente que eles não conseguem ver e ouvir nada.
À partir daí o filme muda o foco para a conversão e transformação de Adriana, que era companheira deles.
Carlos vai parar no inferno mais ou menos umas 3 vezes e consegue sair.
Esse filme é extremamente confuso, mas o que eu consegui lembrar é isso.

Péssima qualidade técnica, mas ótimo veículo de evangelização, apesar das barbaridades (espírito vagando pelo mundo, por exemplo, isso não existe!). 

172311 

Não identificado

A revista “Dois lados” é famosa por sua imparcialidade em fatos polêmicos. Sempre apresenta ótimas matérias com pontos de vista opostos.
Keith e Brad são enviados para investigar os fenômenos das abduções por OVNI´s, que estão aumentando dramaticamente. Enquanto este acredita em uma grande conspiração governamental, aquele sente que há algo sério e os dois irão até as últimas consequencias para provar seus pontos de vista sobre o tema, mudando a vida de várias pessoas envolvidas.

Gostei bastante do filme apesar de já conhecer sobre o tema e saber da verdade, isso não impediu que eu aprendesse coisas novas, mas não vou falar para não estragar a surpresa.
Por que esses relatos são tão parecidos?
Por que estão aumentando agora?
O que os envolvidos tem em comum?
Prepare-se para ter essas perguntas respondidas e ficar perplexo no final. Peraí? Acabou? 

17230 

1408

É impressionante como um filme consegue agradar pelo que não é.
Entrei no cinema com a intenção de ver um daqueles filmes de terror com monstros, etc. Sei que não devo, mas de vez em quando dá umas doideiras.
Entretanto, como em “o amigo oculto” tive uma surpresa, a história está mais pra drama e terror psicológico.
Mas assim é bem melhor, afinal algo dentro da realidade sempre me agrada mais.
Saí do cinema pensando completamente tonta e atordoada. Com a seguinte pergunta em mente: “Qual é a diferença entre pessoas vencedoras e derrotadas?” Afinal, problemas fazem parte da vida de todos, a diferença está em como os enfrentamos. 

17196 

O amigo oculto

Quando a minha mãe alugou esse filme pensei que fosse uma imitação pior, do já péssimo, “o sexto sentido”.
Entretanto, pensei que assistir uma porcaria de vez em quando não ia fazer mal nenhum.
Tive uma surpresa, o final é totalmente surpreendente e não é nada totalmente fora do mundo real, como parecia desde o início.
Recomendadíssimo! 

17195 

O fim da colheita

Os cristãos sempre são humilhados nas discussões do clube de filosofia da faculdade.
Matt encontra um estudo feito por um antigo aluno e ao comentar com Scott, este decide usar em outro debate do clube.
O estudo é sobre o fim do mundo, mas os ateus decidem pesquisar o passado de Scott e descobrem que ele andou aprontando muito nos últimos tempos.
Na hora H, Scott literalmente amarela e sobra pra Matt dar a palestra, ou então eles vão ser chacota durante todo o ano, uma vez que até pessoas que não estudam na universidade foram convidadas.

 Quando assistimos muitos filmes de suspense, acabamos ficando com o “faro detetivesco” bastante apurado, eu consegui descobrir o mistério do filme antes da minha mãe, que só descobriu no final e sempre acerta primeiro.
 

REDES SOCIAIS

EMAIL:   alefestar@hotmail.com